Proposta de comemoração e celebração municipal adequada do nascimento de Rafael Bordalo Pinheiro (1846/03/21-1905/01/23)

Rafael Bordalo Pinheiro (1846/03/21-1905/01/23)

Os Vereadores do Partido Socialista (PS), Luís Patacho e Jaime Neto consideraram ser um erro político inaceitável a ausência de qualquer tipo de celebração municipal dos 175 Anos do nascimento de Rafael Bordalo Pinheiro (1846/03/21-1905/01/23) no passado dia 21 de Março de 2021, referência histórica incontornável na área da criatividade, da cerâmica e de muitas outras facetas artísticas, questionando o executivo municipal sobre as razões deste silêncio ensurdecedor relativamente à desejável celebração desta data.

Os Vereadores do PS observaram ainda que Rafael Bordalo Pinheiro teve uma influência directa na chegada da linha ferroviária do Oeste a esta Cidade em 1887/06/25, depois de uma conversação pessoal com o então ministro das infraestruturas, face à desejada localização da futura Fábrica Bordalo Pinheiro, ainda hoje existente e em plena laboração.

Os Vereadores do PS apresentaram por isso uma proposta para que, no próximo ano, em articulação com o Museu Bordalo Pinheiro em Lisboa, a Fábrica Bordalo Pinheiro, a MOLDA, a Associação de Património Histórico – PH, o Museu da Cerâmica e a ESAD_CR, através da celebração de protocolos e parcerias, se proceda à realização de uma celebração mais visível nas Caldas da Rainha e em Portugal da data de nascimento de Rafael Bordalo Pinheiro, atendendo à sua obra muito vasta e à ligação estratégica da nossa Cidade e do nosso Concelho a esta figura emblemática, cuja vasta e diversificada obra carece ainda de maior e mais alargada divulgação.

Os Vereadores do PS observaram ainda que a grande diversidade e riqueza da obra de Bordalo Pinheiro, desde as inúmeras facetas do desenho, incluindo o “cartoon” político e de humor satírico, passando pela ilustração, a pintura, a cerâmica, a edição jornalística, a cenografia e a arquitectura de interiores, permitem concerteza novas abordagens futuras da sua valorização a todos os níveis, devendo ser esta uma missão cultural para os próximos anos que o Município das Caldas da Rainha deve abraçar e liderar.

Os Vereadores do PS sublinharam também a pertinência da adequada proposta feita em reuniões camarárias anteriores pelo então Vereador eleito nas listas do PS, Dr. Rui Correia, para a criação de um Museu do Humor nas Caldas da Rainha, fazendo votos para que este projecto possa vir a ser uma realidade nos próximos mandatos autárquicos.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s