Proposta de criação de uma rede de doze sensores municipais que monitorizem em tempo real a qualidade do ar, os níveis de ruído, a intensidade do vento, dados meteorológicos e os fluxos médios diários do trânsito automóvel e pedonal, de forma a proporcionar mais e melhor informação ambiental aos cidadãos Caldenses e aos visitantes

Os Vereadores do Partido Socialista (PS), Luís Patacho e Jaime Neto apresentaram uma proposta de criação de uma rede de doze sensores municipais que monitorizem em tempo real a qualidade do ar, os níveis de ruído, a intensidade do vento, dados meteorológicos e os fluxos médios diários do trânsito automóvel e pedonal, sendo desejável vir a disponibilizar o acesso livre a estes dados a futuros criadores de aplicações para os sistemas operativos IOS e Android utilizados pelos telemóveis, de forma a proporcionar mais e melhor informação ambiental aos cidadãos Caldenses e aos visitantes.

Os Vereadores do PS observaram ainda que existe a possibilidade de acesso a fundos europeus específicos para esse efeito, no âmbito da transição digital e economia verde, a que a Câmara Municipal das Caldas da Rainha poderá e deverá recorrer


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s